quinta-feira, 24 de março de 2011

A CRUCIFICAÇÃO




Quando Jesus foi levado até Pilatos dava se inicio a confirmação de quem ele era e seu objetivo.

Pilatos se encontrou incomodado com aquela situação ele já tinha ouvido falar muito sobre Jesus sobre seus milagres e prodígios, chegando até a Jesus lhe faz uma pergunta, ele como Caifas não queria reconhecer a soberania Jesus : Então disse Pilatos:És tu o rei dos Judeus? Disse lhe Jesus: tu o dizes. (Mateus 27.11).

A mulher de Pilatos teve um sonhou com Jesus e mandou dizer a Pilatos. (Mateus 27.19) “Não entre na questão deste justo” . mas ele com medo da repreensão não á ouviu procurando entre um e outro saber o que faria com Jesus, tentando fazer que o próprio Jesus saísse daquela situação,lhe perguntava se ele não iria se defender das acusações mas nada Jesus lhe respondia pois durantes as festividades da páscoa acostumava um preso ser solto qualquer um que fosse.

Estava ali também Herodes em Jerusalem então mandaram Jesus para ele a bíblia diz que muito se alegrou em velo (Lucas 23 .8) Por ter ouvido falar muito dele dos seus milagres ele esperava que fizesse algum sinal e lhe interrogou com muitas perguntas mas ele nada lhe respondia, então o mandou de volta para Pilatos, mas começou a escarnecer dele vendo que ali estava os saldados e os sacerdotes .
Ora aquela ocasião fez com Pilatos e Herodes se tornasse amigos sendo que tinham inimizades entre um e outro (Lucas 23.12.19) .Vendo Pilatos que não tinha nada que culpasse a Jesus foi perguntar ao povo quem deveria soltar mas o povo pediu que saltasse a Barrabás que também havia sido preso por homicídio. O povo havia sido persuadido pelos sacerdotes que pedisse para Jesus ser crucificado e não Barrabás.

Transferindo a responsabilidades: Pilatos queria solta a Jesus mas queria que isto fosse de decisão do povo e não sua, por isto tomou a água e lavou suas mãos para que fosse inocentado da morte Jesus ( Mateus 27.24). Era para ele ter tomado esta decisão. Isto é refletido hoje líderes que não assume suas responsabilidades para que não velha sofre dano algum do que esta fazendo o fato dele ter lavado as mãos não tira dele a culpa embora ele achasse.

Vidas alcançadas: Quando Jesus estava sendo levado para a crucificação constrangeram certo Cireneu chamado Simão para que levasse a cruz. (Marcos 15.21). Um certo centurião que estava ali em frente dele ouviu seu brado.E Disse: Verdadeiramente este homem era o filho de Deus (Marcos 15.39). Ao lado de Jesus havia dois criminosos mas um se rendeu a ele naquele momento dizendo: Lembra - te de mim quando entrares no teu paraíso (Lucas 23.42)